Depilar ou não depilar? Quatro questões pra você refletir às vésperas do verão

Acredite: esse assunto não tem só a ver com a sua pele.

Com o verão chegando, algumas ansiedades surgem na vida de muitas de nós. “Nossa, preciso emagrecer pra entrar num biquíni”, “preciso me bronzear urgentemente pra não pagar mico na praia”, “socorro, preciso me depilar para o verão”. Aqueles desejos que muitas vezes a gente acha que têm que se realizar obrigatoriamente todo ano, mas que podem nos fazer sofrer (e muito!) por acharmos que precisamos ser perfeitas para o verão – em vez de acreditarmos que o verão é que precisa ser lindo pra gente. Simples assim.

Como a gente quer que o seu verão seja lindo e você se sinta maravilhosa nele, vamos propor um desafio: encarar quatro questões sobre depilação, pra você desativar o “piloto automático” (aquele que te diz que mulheres precisam se depilar, serem magras e bronzeadas no verão, sabe?) e pensar com carinho no que é melhor para o seu corpo, para a sua autoestima e para a sua beleza.

1. Afinal, por que a gente se depila?

Mulher depilando as pernas com cera

 

Por que será que muitas mulheres se depilam, mesmo que alguns dos métodos de depilação sejam bem dolorosos? A verdade é que a maioria de nós nunca parou pra pensar nisso, né? Quando entramos na adolescência, vimos que nossas mães, amigas e irmãs mais velhas se depilavam, e aprendemos a fazer o mesmo. É tipo usar sutiã: a gente só lembra que um dia ganhou o primeiro e teve que se acostumar a usá-lo.

As mulheres que questionam a depilação como padrão de beleza costumam dizer que os pelos foram sempre muito associados à masculinidade. Por essa lógica, quanto mais pelos um homem tiver, mais homem ele vai ser (o que sabemos que é mito!). Já uma mulher que tenha muitos pelos, pela mesma lógica, seria menos feminina (o que também é mito, mas isso foi repetido tantas vezes por tantas gerações que muitos ainda acreditam ser verdade).

Um dos motivos que reforçaram essa ideia (de que as mulheres precisam sim se depilar sempre) foi a relação entre pelos e limpeza, que diz que pessoas que se depilam se preocupam mais com a higiene do que as que não se depilam. Se fosse assim, então, será que homens barbudos e peludos seriam mais sujos? 😉

2. O que você sabe sobre o seu método de depilação?
Mulher depilando a perna com lâmina

 

Será que o tipo de depilação que você usa é o mais indicado pra sua pele? Uma das formas de descobrir isso é aproveitar aquela visita periódica ao dermatologista para perguntar o que ele acha. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, qualquer tipo de depilação pode agredir a pele se você não mantiver os cuidados básicos antes e depois do procedimento. Se você não abre mão de se depilar, o importante é saber um pouco mais sobre os diferentes tipos de depilação que existem, e nunca julgar o melhor apenas pelo preço. Por exemplo: sabe aquele site de compras coletivas que de vez em quando anuncia promoção em sessões de depilação? Pois é, vale a pena conhecer bem a estética e seus profissionais antes, ou então pedir indicações a alguém em quem você confie.

E se, quando o assunto é depilação, você costuma fazer pernas, axilas, virilha, buço e não deixar um pelinho pra contar a história, fique atenta: algumas regiões como o rosto e as partes íntimas possuem uma pele mais sensível. Isso significa que o método que você usa numa parte pode não servir para outras. Leve suas dúvidas a um profissional que possa analisar a sua pele e te ajudar a decidir o melhor jeito de eliminar os pelos, ok?

3. O que dizem as mulheres que não se depilam?

O vídeo abaixo é da youtuber Luiza Junqueira, que tem 24 anos, mora no Rio de Janeiro e tem um canal chamado Tá, Querida! Ela conta que não se depila há dois anos e explica o porquê:

 

O vídeo traz duas mensagens bem inspiradoras: a de que cada mulher deve ser livre pra valorizar o próprio corpo e a própria beleza do jeito que quiser, e a de que não devemos julgar quem faz escolhas diferentes das nossas. Afinal, se depilar é uma escolha que cada uma de nós deve fazer individualmente, e ninguém tem nada a ver com isso, concorda? 😉

A tendência do momento é ser você!

4. Que tipo de cuidados devemos ter com a pele e os pelos independente da depilação?

Seja qual for a escolha de uma mulher entre se depilar ou não, existem alguns cuidados que qualquer pessoa precisa ter com a pele e com os pelos:

Limpeza: se você for se depilar, limpar bem a pele antes do procedimento é fundamental. Se você não se depila, após o banho seque bem os pelos antes de se vestir (especialmente os das axilas e partes íntimas), já que a umidade em excesso é inimiga da pele saudável.

Veja aqui uma lista de produtos para limpar a pele profundamente sem ressecar

Hidratação: escolha um hidratante de acordo com o seu tipo de pele (oleosa, seca, normal, sensível), e no verão, redobre os cuidados com a hidratação se for se expor ao sol. Se você costuma se depilar, escolha hidratantes com propriedades relaxantes para acalmar a pele e ajudar os poros a se fecharem novamente.

Hidratantes para todos os seus momentos e para todos os gostos

Esfoliação: esfoliar o corpo todo para eliminar as impurezas e renovar a pele é algo que você pode fazer uma vez por semana, mas se for se depilar procure fazer a esfoliação dois dias antes do procedimento, para eliminar pelinhos encravados e células mortas que naturalmente acumulamos na pele.

Escolha o seu esfoliante bem aqui

Proteção solar: embora os pelos funcionem como uma proteção natural da pele, o protetor solar é aquele produto que precisa entrar na sua vida (se é que já não entrou!) principalmente nessa época do ano. Se você se depila, abuse do protetor. Se você gosta de descolorir os pelinhos no verão, abuse do protetor. Se você nem vai à praia e não gosta de verão, abuse do protetor. Usá-lo é o maior gesto de amor com a sua pele a qualquer época do ano. <3

Escolha um protetor bem aqui e vá curtir o verão do seu jeito!

Leia mais:
Cinco produtos que vão deixar a sua pele lisa
Depilação facial: escolha o tipo certo pra você

COMENTÁRIOS 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Connect with
with Facebook