Cuidados com a pele do rosto: cinco erros que você pode estar cometendo

Você se expõe ao sol com todos os cuidados? Vem descobrir!

Quando o verão começa a colocar suas manguinhas de fora e as temperaturas nos fazem sentir saudades da praia, da piscina e das férias, alguns mitos da beleza ressurgem no nosso dia a dia. Sim, é quase instantâneo! Como se, no verão, toda mulher tivesse a obrigação de ser magérrima, se depilar toda semana, gostar de se bronzear… esses mitos desviam a nossa atenção dos cuidados de verdade, com aquela beleza saudável que nos faz sentir bem com o nosso corpo, seja verão ou inverno.

Por isso, existem alguns erros que a gente pode acabar cometendo nessa época do ano, especialmente nos cuidados com a pele do rosto. A gente listou cinco erros possíveis e as dicas para você manter a pele linda e livre de manchas, acne, excesso de oleosidade e marcas de expressão durante o ano todo.

1. Se preocupar com os efeitos do sol na pele só no verão.

Mulher de cabelos longos sorrindo de olhos fechados olhando para o sol

 

Vamos combinar: o sol está ali o ano inteirinho. Mas faltando um mês para o verão, o calor começa a aumentar, e a gente passa a lembrar que ele existe. Quem nunca, né? Bem, você sabe, mas não custa relembrar: os dermatologistas recomendam que a gente use protetor solar todos os dias do ano (até os nublados!). Pois fica a dica: redobre os seus cuidados diários com a pele do rosto, que é a que mais está exposta aos raios solares durante o ano e, por isso, mais sujeita ao envelhecimento precoce e às manchas.

Use: Make B. Hidratante Multiprotetor Diurno, que se adapta a todos os tipos de pele, não deixa a pele oleosa, e tem FPS (Fator de Proteção Solar) 50+++. Ele protege a pele de três raios solares que podem danificar a pele: UVA, que provoca o envelhecimento precoce, UVB, que pode causar vermelhidão e queimaduras, e raios Infravermelhos, que fazem a pele perder colágeno e elasticidade.

2. Se expor aos raios solares nos horários não recomendados.

Mulher tomando sol em uma plataforma sobre o mar

 

O horário seguro para se expor ao sol é antes das 10h e depois das 16h. Mas quem ama pele bronzeada muitas vezes “esquece” essa recomendação para tentar obter aquela cor dourada mais rápido. Mesmo que a sua pele seja morena ou negra e não fique vermelha com a exposição ao sol, a dica é evitar os horários de risco: a pele pode ficar mais ressecada, produzir mais oleosidade, ganhar manchas, e nada disso é legal para a saúde do rosto (além de acelerar o envelhecimento).

Use: Maquiagem! Base, e blush te ajudam a conquistar um efeito bronzeado no rosto sem precisar torrar no sol. A vantagem? Sua pele jovem por muito mais tempo. 🙂

3. Usar o mesmo protetor solar para o rosto e para o corpo.

Mulher passando protetor solar nos ombros em uma praia

 

Os protetores solares específicos para o rosto têm textura mais leve e menos oleosa do que os protetores corporais porque a pele do rosto produz naturalmente mais oleosidade. Por isso, e especialmente se a sua pele for oleosa, evite aplicar qualquer protetor solar no rosto para evitar que ele fique com aquele brilho indesejável.

Use: Cuide-se Bem Protetor Solar Facial FPS 50, que não tem óleo em sua fórmula e contém Vitamina E, antioxidante que previne o envelhecimento precoce da pele.

4. Usar o protetor solar com FPS abaixo do recomendável.

Mulher com os cabelos soltos e crespos ao vento em uma praia olhando para o mar

 

Se você ama pele bronzeada e costuma aplicar óleo bronzeador também no rosto, ou um filtro solar com FPS abaixo de 15 para bronzear mais rápido, saiba que isso não é legal para a saúde da sua pele. O recomendável para negras e morenas é, no mínimo, FPS 15 e, para peles claras, FPS 30. Os riscos são os mesmos que já contamos acima: ressecamento, manchas, queimaduras, envelhecimento precoce e, no pior dos casos, câncer de pele. Pra quê correr riscos, né? Protetor já!

Use: Make B. Multiprotetor Tonalizante Diurno, que, além dos benefícios do Multiprotetor (FPS 50 e proteção contra raios UVA, UVB e Infravermelhos), ainda tonaliza a pele e realça o bronzeado natural. 😉

5. Não hidratar a pele para não deixá-la mais oleosa.

Mulher que acabou de sair do banho aplicando hidratante no rosto

 

Pele oleosa e pele hidratada são coisas bem diferentes: uma é a capacidade natural da pele de produzir gordura, e a outra é a capacidade de reter água, o que evita o ressecamento. A dica para hidratar o rosto sem deixá-lo oleoso é investir em produtos com textura em sérum ou gel, e evitar cremes e loções que não sejam oil free.

Use: Make B. Sérum Anti-idade Diurno, que contém FPS 30, se adapta a todos os tipos de pele, mantém a hidratação e controla a oleosidade. É perfeito para quem tem ruguinhas e marcas de expressão, porque tem efeito lifting e dá um up instantâneo na pele!

Fotos: IStock

Leia mais:

Mais dicas de beleza para ter a pele linda sempre

Cuide do seu rosto antes e depois da maquiagem

Como cuidar do rosto com 20, 30, 40 e 50 anos

Pele oleosa, o que fazer? Dermatologista das estrelas dá a dica

Mitos e verdades sobre a pele oleosa

COMENTÁRIOS 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Connect with
with Facebook