Como acabar com as olheiras? Seis fatos que você precisa saber sobre isso

Acordou se sentindo um panda? Talvez você precise descansar um pouco mais

Ai, aquelas noites mal dormidas: de balada, estudo, pré-prova, open bar, hora-extra no trabalho, pouco importa. As olheiras de vez em quando vêm assombrar a gente, e aí só saindo de casa assim:

Modelo com óculos e chapéu

 

– Ué, por que você tá usando óculos escuros dentro de casa?
– Nada não, amor.

Com você também é assim? Pois a gente resolveu tentar entender por que as olheiras aparecem nas nossas vidas e como acabar com elas de uma vez.

Ter olheiras pode ser uma herança genética.

Panda

 

Tem dias em que a gente se sente um panda, mas por que isso acontece? Segundo o Dr. Valcinir Bedin, médico e professor de dermatologia, ter olheiras pode ser mesmo uma característica genética. Como a pele da região dos olhos é mais fina do que em outras partes do corpo, os vasos sanguíneos aparecem mais facilmente nessa parte do rosto, deixando-a com uma cor mais escura. Essa coloração, segundo o Dr. Bedin, pode ser mais forte ou mais fraca de acordo com a herança genética. Ou seja, se a sua mãe ou o seu pai costuma ter olheiras, é possível que você também tenha essa tendência!

Existem dois tipos de olheiras basicamente.

Modelo com olheiras

 

Você pode identificar o seu tipo de olheiras pela cor: se elas forem azuladas ou arroxeadas, você tem olheiras vasculares, que é o tipo que a gente detalhou no item 1. Como a pele abaixo dos olhos tem uma espessura bem fina, os vasinhos que irrigam a região aparecem, formando as olheiras. Existem também as olheiras pigmentares, quando a pele abaixo dos olhos é amarronzada. O tom marrom é a melanina, que pigmenta mais essa parte do rosto, e esse tipo de olheira pode ser uma herança genética ou um traço racial.

A pele morena tem mais chance de ter olheiras.

Modelo negra com olheiras

 

As olheiras de tons marrons são mais comuns em quem tem pele morena, especialmente se você for descendente de árabes. Isso acontece porque as morenas produzem naturalmente mais melanina do que as peles mais claras. Como acabar com as olheiras? Bom, uma dica é aplicar filtro solar no rosto diariamente, especialmente na região dos olhos, e não esquecer dos óculos escuros sempre que sair.

Descansar ajuda mesmo a eliminar as olheiras.

Modelo dormindo

 

Tá pensando em emendar uma noite mal dormida na outra? Pois saiba que isso pode aumentar as suas olheiras. Segundo o Dr. Bedin, o cansaço faz com que os vasos sanguíneos se dilatem, ficando mais visíveis. Por isso, se você não quer olheiras no seu look do dia, é bom encontrar tempo pra uma boa noite de sono, bela adormecida!

Existem alguns tratamentos para reduzir as olheiras.

Modelo com olheiras

 

Se você pesquisar sobre tratamentos para olheiras, vai descobrir que existem vários tipos de soluções – cremes, tratamento com laser, peeling, drenagem linfática – mas é importante identificar antes o seu tipo de olheira e nunca fazer nada, nadinha mesmo, sem conversar com o seu dermatologista. Isso vale para tratamentos caseiros, procedimentos estéticos e mesmo para os produtos que você adquire – porque um profissional pode te ajudar a descobrir se determinado produto vai trazer mesmo resultados ao seu tipo de pele. Alguns produtos e procedimentos que podem ajudar você a acabar com as olheiras:

Make B. Primer Clareador: Além de ser usado para preparar a pele para a maquiagem (suavizando os poros e criando uma película protetora que prolonga a duração da make), esse primer, se aplicado diariamente, ajuda a uniformizar o tom da pele, deixando-a mais iluminada. É perfeito para quem possui olheiras vasculares, e pode ser usado por mulheres de todas as idades.

Make B. Hidratante Multiprotetor Tonalizante Diurno: Ideal para quem possui olheiras escuras, porque além de hidratante ele possui FPS 50+++, prevenindo o escurecimento da região dos olhos através da produção natural de melanina pela pele. Possui um efeito tonalizante, como um BB Cream, que já ajuda a deixar a pele do rosto mais uniforme.

Laser e Luz Pulsada: o laser ajuda a retirar o excesso de pigmento e a luz pulsada a remover pequenos vasos sanguíneos abaixo dos olhos. São tratamentos diferentes, mas para os dois é necessário fazer mais de uma sessão para obter resultados duradouros.

Peeling: também é utilizado para remover a pigmentação abaixo dos olhos (em geral é feito com uma aplicação de ácido) e funciona para eliminar manchas escuras do rosto. Normalmente, são feitas várias sessões e é preciso ter um cuidado especial com a pele, que por receber um tipo de ácido não deve ser exposta ao sol.

Preenchimento: quem tem os olhos fundos pode tentar um procedimento que preenche a região da olheira para dar mais volume e amenizar o aspecto cansado do rosto.

Drenagem linfática: é um procedimento que ativa a circulação dos vasos sanguíneos e pode amenizar o aspecto azulado ou roxo das olheiras vasculares. Em geral, é preciso várias sessões para obter um resultado duradouro.

A maquiagem pode te ajudar num dia ruim. Sempre.

Modelo aplicando corretivo

 

Salve o corretivo! Para quando não há tempo (ou dinheiro) para tratamentos que exigem várias sessões, a gente sempre pode contar com a maquiagem. Ainda bem 🙂 Para começar, descubra qual o melhor corretivo para você. Depois, é só pegar umas dicas quentes de como disfarçar as olheiras e arriscar aquela make linda que só você sabe fazer! Ah, e se não souber muito bem não tem problema, a gente ensina. Vem! <3

COMENTÁRIOS 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Connect with
with Facebook

COMENTÁRIOS