Festival O Boticário na Dança encanta e abre portas para a arte

Evento reuniu companhias nacionais e internacionais no Rio e São Paulo

Considerado um dos maiores eventos de dança do país, o Festival O Boticário na Dança terminou nesse domingo após cinco dias de apresentações inesquecíveis. Nessa terceira edição, o Auditório Ibirapuera, em São Paulo, e o Theatro Municipal do Rio de Janeiro serviram de palco para seis companhias, nacionais e internacionais que dançaram e encantaram milhares de pessoas.

 Espetáculo Torobaka, no Parque Ibirapuera (SP)
Espetáculo Torobaka, no Parque Ibirapuera (SP)

O público lotou os espaços para conferir espetáculos como Torobaka, um duelo de técnicas entre o bailarino espanhol Israel Galván e o indiano Akram Khan. A dupla mostrou-se acessível e carismática, realizando ensaio aberto antes do espetáculo e um bate-papo pós apresentação. Foram eles também que prepararam um dos momentos mais memoráveis do evento: ao final da performance em São Paulo, o fundo do palco se abriu revelando a paisagem do Parque Ibirapuera!

Da Inglaterra, a Michael Clark Company trouxe os espetáculos animal/vegetable/mineral e come, been and gone, e a companhia sueca Cullberg Ballet encantou o olhar do público em 11th Floor. A Cia Antônio Nóbrega de Dança, de São Paulo, brincou no palco com o espetáculo PAI, enquanto que a também paulistana Raça Cia de Dança levou os espectadores a Buenos Aires com Tango sob dois olhares. O Balé da Cidade de São Paulo também se apresentou no festival, com as performances Cantata e Cacti.

Uma dança para todos os públicos

Além da programação primorosa de espetáculos, a terceira edição do Festival O Boticário na Dança foi marcada pelo fácil acesso. Na busca de formar platéia e democratizar a arte da dança, os ingressos foram vendidos a preços acessíveis (a partir de R$ 5), quando não gratuitos, como no último dia de evento em São Paulo com programação ao ar livre.

Na noite de sábado, o Clube Viva O Boticário levou 20 clientes especiais para um coquetel e para o espetáculo 11th Floor, no Theatro Municipal do Rio. “Achei fantástico e adorei o convite! O evento e a iniciativa muito bacanas e o espetáculo melhor ainda. Gostei muito!”, contou a administradora Alessandra Altimani.

Clientes Clube Viva O Boticário
Clientes Clube Viva O Boticário

A economista Lilian Miranda, que foi acompanhada da mãe, também aprovou o evento: “Fiquei muito satisfeita e lisonjeada com essa oportunidade que o Boticário nos deu. Achei o espetáculo moderno, bacana, ágil e diferente!”, comenta.

Conheça o programa O Boticário na Dança e confira tudo o que aconteceu no festival!

COMENTÁRIOS 280

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Connect with
with Facebook

COMENTÁRIOS