Arquivo da categoria: Estilo de Vida

Prêmio Glamour: cinco looks tendência para você se inspirar

Quando se aproxima uma festa que exige produção especial, é normal a gente ter dúvidas sobre o estilo e a cor do vestido, o cabelo, a maquiagem e os acessórios. Afinal, são tantas opções! A primeira dica, claro, é optar por um look que expresse sua personalidade e, de preferência, seja confortável.

Também vale espiar o que as famosas estão usando nas festas mais glamourosas, com certeza! Por isso, separamos cinco looks do Prêmio Glamour, evento da Revista Glamour brasileira que reuniu na última semana as principais celebridades e influencers brasileiras. As produções, além de expressarem tendências, são lindas! Inspire-se!

Como não amar este look clássico e elegante da blogger Camila Coutinho? A influencer apostou em vestido de cor forte com fenda, brilhos e preto nos acessórios, além da naturalidade da make e do penteado. O destaque está nos olhos. Essa é uma maquiagem que combina com diversos estilos de festa. Vale a pena guardar na listinha de referências!

Para copiar, vá de tom neutro nos lábios, como o Batom Perfeito Matte Nude Renda de Make B. Pra a região dos olhos, aposte na Máscara Extravolume, no Delineador Líquido Preto e nos tons do trio Caramel da sombra Mineral Baked.  Um segredinho é adotar o Primer para Olhos, que potencializa a cor a duração da sombra. Tudo Make B.

O verde foi a escolha da modelo Raíssa Santana. Acertadíssima! Afinal de contas, a cor tem aparecido nos tapetes vermelhos mais glamourosos ao redor do mundo. É difícil escolher um destaque neste look: os cachos volumosos maravilhosos e o batom vermelho reforçam a autenticidade da composição. Raíssa é pura inspiração para quem tem personalidade!

Pra copiar o look, separe o Batom Perfeito Matte Red Carpet. Nos olhos, aposte no efeito do Lápis para Esfumar Olhos e no Pigmento para Olhos Bronze Lights da linha Modern Asia, tudo Make B. Já quem tem cachos lindos como Raíssa pode se jogar no Modelador de Cachos de Cuide-se Bem, para esse efeito exuberante!

Mica Rocha é colunista de relacionamentos, mas também domina tendências de moda como poucas! O rosa escolhido para o vestido parece gritar “romance!” – e também é uma das cores queridinhas das famosas que desfilam nos eventos mais glamourosos do mundo. O look princesa é um sonho!

O cabelo bem natural e a make com blush mais marcadinho podem compor o visual de todas que se inspiram no romantismo dos contos de fadas. Linda!

Inspire-se no look: vá de Batom Perfeito Cintilante Soft Rose e Mineral Baked Blush. Para o efeito de pele radiante (dando aquela disfarçadinha nas imperfeições), o truque é o Flash Iluminador Color Adapt. Complemente com os terrosos do Quarteto de Sombras Honey Be Modern Asia no olhar; Tudo Make B.

Dois estilos de branco para comprovar que a cor pode tanto ser usada em um visual ousado, como o de Thaila Ayala; quanto em uma releitura divertida do clássico look bailarina, como o modelo de Fiorella Mattheis.

Thaila apostou no decote invertido que conquistou famosas cheias de originalidade, como Lady Gaga. As amigas também apostaram em destacar os olhos na make, adotando tons mais neutros no batom.

Para um visual mais iluminado como o de Thaila, a dica é combinar o Pigmento para Olhos Brozen Lights de Make B. Modern Asia, que pode ganhar um efeito metalizado quando aplicado com o pincel umedecido, junto do Mineral Blush Baked Gold. Complete com o Batom Perfeito Super Creamy Melted Chocolate da linha Modern Asia. Tudo Make B.

Brilho, brilho e mais brilho! Pathy Dejesus brilhou muito com o vestido de toque futurista, curto, bordado e maravilhoso. O brilho, aliás, esteve presente em looks de várias famosas. Pathy apostou no cabelo preso, colocando a make em evidência.

Inspire-se no estilo da atriz e apresentadora com no Quarteto de Sombras Matte + Máscara para Cílos Extravolume.

E você? Qual look deixou seus olhos brilhando? Conte para a gente nos comentários!

Dia Internacional da Mulher: 5 momentos pra nunca esquecer

O último dia 8 de março foi um dia pra nunca esquecer. No Dia Internacional da Mulher de 2017 talvez seja considerado no futuro um dos mais importantes dessa década, e a gente não quer de jeito nenhum esquecer dessa incrível força feminina que fez o mundo parar por um dia pra mostrar a que veio. Por isso, selecionamos alguns momentos para nunca esquecer, pra contarmos para as próximas gerações e guardar no coração com muito orgulho. <3

1. Novamente, nesse 8 de março, as mulheres foram às ruas.

Milhares de mulheres ocuparam as ruas de várias cidades do Brasil. Motivos não faltavam: pelo fim da violência de gênero, por igualdade de direitos trabalhistas, salários e regras de aposentadoria, por representatividade na política, entre tantas outras razões. Elas marcharam, paralisaram atividades, ergueram bandeiras e gritaram forte. O mundo inteiro ouviu!

E não foi só no Brasil, não: estima-se que mulheres de pelo menos 50 países tenham saído às ruas para chamar atenção para os seus direitos. 🙂

Além de tudo, elas não estavam sós! Sim, muitas mulheres levaram seus filhos às manifestações, um gesto para as novas gerações nunca esquecerem que elas estão lutando por um futuro melhor. <3

2. Ocuparam as redes sociais com várias hashtags.

Só aqui no Brasil, foram muitas as hashtags que bombaram! Na foto acima, a atriz Cleo Pires chamou atenção para uma delas: #meucorpominhasregras, uma luta pela liberdade de não se encaixarem em um único padrão de beleza, de expor ou não o corpo (elas é que decidem) sem serem julgadas por isso, de usarem ou não batom vermelho, de se depilarem ou não. O corpo é delas!

Hashtags como #respeitaasmina e #8M foram usadas por muitas mulheres que foram às manifestações nas ruas. Algumas vestiram vermelho, outras lilás, outras preto. Mas o sonho era igual: um mundo em que as mulheres possam exercer seus direitos como qualquer ser humano. Com respeito, igualdade, liberdade.

3. Compartilharam sororidade de várias formas.

Não foram poucas as manifestações de união entre as mulheres nesse dia 8. A atriz Emma Watson, que também é embaixadora da ONU Mulheres, protagonizou um dos gestos que mais repercutiram no mundo: fez uma seleção de livros com temas ligados ao feminismo e os espalhou por vários locais da cidade de Londres. E com a ajuda de uma ONG, teve alguns dos livros levados a várias cidades do mundo. Lindo demais, né?

Mosaico com fotos de mulheres vítimas de violência

 

Aqui no Brasil, a comunidade Ventre Feminista fez uma emocionante homenagem às mulheres que foram vítimas de violência: criou um álbum no Facebook chamado Não esqueceremos!, que chama a atenção para os altos índices de abusos, estupros e feminicídios no Brasil. A repercussão foi tão grande que a comunidade resolveu criar a hashtag #NãoEsqueceremos para não permitir que a memória dessas meninas e mulheres seja esquecida.

4. Enfrentaram o machismo de cada dia.

Por elas não passa nenhum episódio de machismo. Nesse dia 8, as mulheres falaram um pouco mais alto para serem ouvidas sobre aquilo pelo qual lutam durante o ano inteiro: o machismo que aparece em comerciais ou programas de TV, em memes da internet, em comentários preconceituosos no Twitter ou tantos outros lugares.

Em nossa fanpage, abrimos espaço para todas as mulheres falarem como se sentem e o que pensam usando a hashtag #MeDeixaFalar. E a gente aprendeu muito com o que elas disseram.

5. E desejam tantas mudanças no mundo que elas mal caberiam em um único e simbólico Dia da Mulher.

Na véspera do Dia da Mulher, a campanha contra o assédio sexual Chega de Fiu Fiu lançou o trailer de seu documentário, viabilizado por meio de uma campanha de financiamento coletivo. A ideia do filme é retratar a violência contra as mulheres em espaços públicos e mostrar que o assunto não tem nada de “mimimi”.

E as 24 horas do Dia Internacional da Mulher ainda são pouco para tantos desejos que elas querem realizar. Um caminho de luta, empoderamento e educação ainda existe pela frente, mas o coração da gente se enche de esperança quando vê esse tweet sobre uma garotinha que estuda na quarta série de uma escola nos Estados Unidos:

Uma professora encontrou um bilhetinho debaixo de uma carteira da sala de aula da quarta série que dizia: “Quer fazer parte de um clube de empoderamento feminino? Nós somos as líderes”. Orgulhosa de suas alunas, ela mostrou o bilhete a uma amiga, que fez o tweet. Que o futuro seja lindo assim, não é? <3

Fotos: Reprodução/Instagram

#MeDeixaFalar: 10 lições que elas deram no Dia da Mulher

O dia 8 de março não é diferente de todos os outros 364 dias do ano. Mas é um dia simbólico: considerado Dia Internacional da Mulher, marca uma luta diária de milhões de mulheres – aqui no Brasil, por exemplo, já somos maioria da população – por direitos que já são nossos, mas que na maior parte das vezes não conseguimos exercer. À liberdade, à igualdade, à segurança, ao trabalho, à vida. E tantos outros.

Em respeito a todas as mulheres, aos seus direitos e ao significado do 8 de março, fomos à nossa fanpage e ao Twitter reforçar em nosso canal aberto com todas as brasileiras um pedido: falem como vocês se sentem! Sobre igualdade, representatividade, sobre ser mulher nos diversos espaços do mundo.

Unidas pela hashtag #MeDeixaFalar e pelo desejo de serem ouvidas e respeitadas pelo que acreditam, elas falaram, e muito. E a gente listou aqui pelo menos 10 lições que aprendemos com essas mulheres, porque acreditamos que o mundo tem ainda muito a aprender sobre cada uma delas.

#1 - O Dia da Mulher é para lembrarmos que queremos ser respeitadas todos os dias pelo que somos.

“Eu gostaria de não ser julgada por não querer ter filhos. Nem toda mulher nasceu pra ser mãe. Não é porque sou mulher que sou obrigada a ter filhos. A sociedade precisa acordar pra isso.” (Liana Silviano)

#2 - Nós, mulheres, lutamos diariamente, sem desistir, para conquistarmos o que é nosso e o que desejamos para as nossas vidas. E nos orgulhamos muito disso.

;

#3 - A cada dia, existem mais mulheres envolvidas em projetos coletivos para ajudar outras mulheres. A isso, chamamos sororidade.

Assédio não é elogio e andar tranquila na rua é meu direito. Que um dia possamos ir juntas simplesmente por querer e não pra sobreviver. 💪 #oquequeremos #vamosjuntas #diadamulher #medeixafalar

 

Assim como o Vamos juntas?, que incentiva mulheres a praticarem a sororidade diante de situações de perigo ou ameaça de violência ao andar nas ruas, outros movimentos de união entre as mulheres estão surgindo, crescendo e mostrando que é possível transformar a realidade de muitas mulheres em situação de risco.

Conheça alguns projetos que já fazem a diferença

#4 - Todas nós temos o direito à liberdade de sermos quem bem quisermos.

“Eu uso o meu cabelo do jeito que que quiser. Hoje ele está black e preto, amanhã pode estar roxo e liso. Não é o jeito do meu cabelo que diz quem eu sou ou deixo de ser. Isso está em mim. Não me julgue pela aparência, se não conhece a minha história”. (Mariza Cipriano)
“Que cada uma seja a mulher que quiser ser e que se orgulhe disso”. (Franciele Leite)

#5 - O feminismo ainda não é totalmente compreendido por todas as mulheres. Precisamos lutar para que seu significado chegue a muitas de nós.

“Feminismo não é coisa de mulherzinha, feminismo é coisa de gente! É coisa de quem ama o próximo e luta para que todos tenham as mesmas oportunidades, o mesmo valor. É coisa de quem tem amor no coração. E essas pessoas são as que fazem o mundo valer a pena!!” (Rachel Rosa)

 

#6 - Não somos iguais aos homens, temos, sim, diferenças. Mas queremos ser tratadas com o mesmo respeito e os mesmos direitos. A isso, chamamos igualdade.
“Quando falamos em igualdade, não é ser igual aos homens e sim ter os mesmos direitos ao respeito, dignidade, financeiro e trabalhista”. (Emilene Gomes Silva)

 

#7 - A luta pela liberdade das mulheres ainda não existe dentro de muitas casas e famílias, mas acreditamos que podemos mudar essa realidade.

“Nunca pararei de lutar enquanto a igualdade de gêneros não for alcançada”. (Gabriela Gomes)
“Tivemos uma educação tão machista, que infelizmente não percebemos que sofremos e acabamos aguentando caladas. Devemos olhar mais umas pelas outras, se não estarei sendo egoísta e muitas vezes hipócrita”. (Mayra Paiva)

#8 - Toda mulher tem o direito de se sentir representada. Na política, nos meios de comunicação, no trabalho, na sociedade. Sem rótulos, nem estereótipos.

“Acredito sim que salários devem ser pagos igualmente por cargos executados e não por gênero. Acredito que a mulher tem seu lugar sua voz e precisa sim ser ouvida e respeitada. Fui criada por uma mulher que lutou a sua vida toda para criar três filhos sozinha. Vamos lutar sim mas com respeito e sem generalizar. Vamos falar por mulheres que não podem e não conseguem. Vamos ter voz e dar voz”. (Helidiani Dias)
“Sou muito grata por ter nascido mulher. Que pena que ainda tem pessoas que discriminam uma mulher por estar acima do peso. Mas sinto que isso está mudando aos poucos, podemos ver que hoje já tem modelos gordinhas isso já me deixa muito feliz. Eu me amo, eu me aceito”. (Ana Paula Moreira)

#9 - Temos um longo caminho pela frente: de luta contra preconceitos, por representatividade, por menos violência, por mais liberdade. E juntas somos mais fortes.

“Feminista SIM… Batalhar pelo direito de todas as mulheres serem e fazerem o que quiserem de suas vidas. Quer depilar, depile-se. Não quer… Okay! Não gosta de maquiagem, tudo bem. Gosta… Use muito! Usa roupas curtas, tudo bem. Não usa, tudo bem também! De cabelo raspado, longo, cacheado, liso, crespo, loira, negra, ruiva, baixa, magra, gorda, alta… Somos mulheres e merecemos ter nossas opiniões, escolhas e direitos respeitados”. (Mhaia Motta)

 

#10 - “Mimimi” não existe. Mas empatia, sim, que é a capacidade de se colocar no lugar da outra. E temos que lutar todos os dias para que haja empatia entre nós mesmas.

“Longe de ser mimimi, acho que ao longo dos anos conquistamos um espaço considerável na sociedade, porém temos muita luta adiante.. Ideologias que precisam ser reanalisadas, se colocar no lugar da outra e principalmente compreender que nem todas infelizmente partilham da mesma realidade”. (Érika Souza)
“Creio que, se cada uma pelo menos respeitar o espaço da outra sem julgamentos, já seria um passo à frente. Aprendam, mulheres, a sentir empatia umas pelas outras, a não desmerecerem a luta das que dão a cara à tapa para que todas tenham voz. Não achem que só pq estamos no século XXI que não temos que desconstruir padrões não. Muitas conquistas foram realizadas, mas o caminho ainda é longo”. (Scheilla Andrade)

Precisa desenhar tudo isso? A gente desenhou! Em meio à ação em nossas redes, convidamos a diretora de arte e ilustradora Ane Schütz para transformar em ilustrações as lindas mensagens e frases que recebemos. Olha como ficaram ainda mais inspiradoras:

New York Fashion Week: tudo o que rolou

Muito mais do que uma prévia do que será tendência na próxima estação, as semanas de moda são um espaço de protesto e afirmação, além de refletirem o momento que a sociedade vive. Na mais recente delas, a New York Fashion Week, as notícias foram muito além da moda do street style e das celebridades na primeira fila.

Em um dos casos mais emocionantes, Madeline Stuart foi ovacionada no primeiro desfile de sua marca, “21 Reasons Why”. A estilista de apenas 20 anos, que tem Síndrome de Down, criou uma coleção esportiva e casual e peças que estampam frases como “Eu sou a Fashion Week” e “Super Manequim”. O nome da marca é uma referência ao cromossomo 21, cuja anomalia é a causa da síndrome. Emocionante!

Estilista com síndrome down recebe aplausos na passarela ao lado de duas modelos.

 

Em outro episódio, uma marca de lingerie, em parceria com a ONG #Cancerland, escalou um casting só de mulheres que lutam contra o câncer de mama. A ideia é que as peças sejam bonitas e confortáveis para ajudar as mulheres que enfrentam a doença a se sentirem mais fortes e confiantes.

Ao todo, 16 modelos, que passaram pelos mais diversos procedimentos como mastectomia, reconstrução da mama ou tiveram apenas uma porção dos seios removidos, deram um show de autoestima na passarela.

Modelos exibem lingeries com glitter no corpo, tule e saia.

 

Algumas marcas também usaram a moda para mandar uma mensagem de apoio aos imigrantes e refugiados, principais alvos da nova política de imigração do presidente Donald Trump. Além disso, muitas labels reforçaram os ideais levantados pela Marcha das Mulheres, que reuniu milhares de mulheres ao redor do mundo em janeiro, na luta pela igualdade de gênero.

Modelo usa boné com os dizeres: “Make América New York Again”.

 

Deixando o campo político de lado e partindo para o lado fashion da NYFW: vamos às tendências para o próximo inverno?

Modelo usa laço preto em detalhe no vestido e no penteado.

 

Alerta de tendência: os penteados com laço preto já haviam aparecido em outros desfiles da temporada e voltaram na NYFW!

Modelo Gigi Hadid usa sombra colorida, batom escuro e dois coques altos na cabeça.

 

Os anos 80 foram revisitados em várias passarelas de Nova York. Nesse look, o estilo boho chic, totalmente invernal, fez par inesperado com a sombra colorida. Vá de Make B. Africaníssima Quarteto de Sombras Entardecer Safira.

Modelo usa casaco de pele, blusão de lã e uma toca grande na cabeça. Na orelha direita, usa brinco que imita uma chave.

 

Pele, lã, gola alta, toquinha, tudo de mais quentinho para encarar as temperaturas baixas. Mas que tal o brinco de chave? Você usaria? Outro indispensável do inverno: batom roxo. Aposte no Make B. Perfeito Matte Chic Purple.

Modelo Kendall Jenner usa camisa de botão em um tecido grosso na cor preta e calça de cintura alta de couro, também preta.

 

Couro tem tudo a ver com inverno. E look dramático também. Destaque os olhos com Make B. Delineador Líquido Preto e lápis Make B. Retrátil Para Olhos À Prova D’água Preto na parte inferior.

O messy hair com franja é certeza de um visual descolado. Platinado, então… tendência certa! Não esquece do kit Nativa Spa Tratamento Capilar Vinoterapia pra não danificar os fios loiros. 😉

Blogueira usa camiseta com lettering, casaco colorido com capuz, touca de tricô e óculos de grau.

 

As blogueiras amam uma fashion week! É a oportunidade de caprichar na produção e chamar a atenção das marcas, da imprensa e dos seguidores. Que tal o look sport/skate de Chiara Ferragni?

Com tantas tendências, já bateu até uma saudade do inverno!

Baile da Vogue: veja os melhores looks do zodíaco

O Baile da Vogue é a abertura oficial do carnaval das celebs! O evento reuniu a nata da moda, entre atrizes, blogueiras e estrelas da música na última quinta-feira (16) no hotel Unique em São Paulo. O ator Ed Westwick, eterno Chuck Bass da série Gossip Girl, foi o destaque da ala masculina. Já entre as mulheres, uma mais deusa que a outra! O tema “Lady Zodíac” rendeu um desfile de excentricidades com direito a signos, astros e estrelas. Vem com a gente ver os melhores looks da noite! A previsão é de muito brilho e extravagância! 😉

Estrela da noite, a ariana Anitta, fez um show exclusivo para os convidados. A cantora vestiu o signo de fogo com bordados, ombreiras e os chifres em chamas. Nos olhos o mega delineado e os cílios postiços gigantes deram um efeito dramático ao look, mas a boca não passou do nude.  Poderosa! Siga o exemplo e se jogue no combo: Make B. Delineador Líquido Preto e Make B. Mousse Labial Nude Rose.

 

Uma publicação compartilhada por @westwickedcity em

Ed Westwick parecia ter vindo direto das festas do Upper East Side (saudades Blair, saudades Gossip Girl!) O ator optou pelo blazer, calça jeans escura e gravata borboleta, num visual bem ao mesmo tempo formal e despojado.

Sabrina Sato levou o horóscopo ao pé da letra para compor o look de aquariana. Seu signo está sempre “no mundo da lua” e “pensando no futuro”. A fantasia metalizada e o capacete resultaram em um figurino super futurista. Arrasou, Sá!

Giovana Ewbank trouxe toda a beleza e brilho do signo de virgem. O batom e os olhos receberam pencas glitter em harmonia com as unhas metalizadas, o colar e a coroa. Cada detalhe contribuiu para o visual pomposo. Deusa!

Os adornos na cabeça levaram as fantasias a outro nível. Olha os chifres de áries da Adriana Galisteu! Ela foi uma das musas escolhidas pela Vogue para representar os 12 signos do zodíaco. Um espetáculo!

Lala Rudge trouxe o signo de peixes como referência dos pés à cabeça. O vestido de renda O vestido tinha mais de sete metros de renda e nove de tule e tela. Na maquiagem, glitter e estrelas.

 

Alessandra Ambrósio e Ísis Valverde foram as azuladas do baile. Batom vermelho ou nude? Make B. Batom Perfeito Cremoso Red Unique ou Make B. Batom Perfeito Matte Nude Renda Você escolhe! A cor é tão democrática que vai bem com qualquer tom!

As definições de “plena” foram atualizadas com Carol Castro. Grávida de uma menina, ela apostou no preto longo, elegante e nada básico, com aplicação de pedras. E uma estrela enorme na cabeça!

Sophia Abrahão e Sergio Malheiros são pura sintonia, inclusive no look. Ela optou pelo brilho e botou o decote pra jogo, enquanto ele mostrou todo o estilo com o blazer e calça azul petróleo. Muito amor!

Taís Araújo, que mulher arrasadora! Representando sagitário, a atriz fez uma versão gótica e sexy do signo, com chicote e tudo.

Thássia Naves é sem dúvidas a sereia mais fashion de todas! O cabelo, as jóias e os paetês imitando escamas formaram um look místico e luxuoso. Na maquiagem, Thássia foi pelo caminho dos tons sóbrios com batom nude e sombra marrom. Um espetáculo!

Giovanna Antonelli incorporou o signo de peixes com um macacão dourado bem justinho. Destaque para a maquiagem intensa: olho tudo, boca também! Use Make B. Delineador Líquido Caneta e batom Make B. Perfeito Matte Hot Brown.

A diva Cláudia Raia incluiu um belo par de chifres ao look espalhafatoso. A dramaticidade continua na maquiagem: glitter nos olhos e batom roxo.

O vestido todo trabalhando no brilho e na transparência de Camila Coutinho levou 420 horas para ser bordado. Divino! E a modelo ajuda né?

Claudia Leitte, a musa de câncer, foi ao fundo do mar buscar inspiração em Iemanjá para o look! Com tantos detalhes no figurino, a make ficou mais básica.

Santo de casa faz milagre, sim! Yasmin e a mãe Luiza Brunet também se jogaram no misticismo com muito brilho, renda e pedrarias. Sorte do dia: temos muitas makes pra copiar no carnaval!