Pontas duplas: como evitar o problema nos fios

Uma rotina de cuidados pode diminuir as idas ao salão para cortar os fios

Pontas duplas são um problema no caminho de muitas mulheres em busca pelo cabelo impecável. E a gente explica desde já: o ressecamento é a principal causa da duplicação dos fios, já que a oleosidade natural produzida na raiz não consegue chegar até as pontas. O resultado? Madeixas secas, sem movimento e com aquele efeito espigado que ninguém gosta, né?

Mulher sorri em um dia de sol enquanto mexe no cabelo.
Alguns cuidados garantem que seus fios fiquem livres das pontas duplas! 😉

 

Viva Linda conversou com a hair stylist Fabiane Goulart, que explicou: alguns cuidados simples na rotina são eficientes na hora de cuidar do fio. Vem ver:

#1 Cortes frequentes

A expert lembra que cortar os fios periodicamente faz com que fiquem mais saudáveis e bonitos. E pra isso não precisa abrir mão do comprimento, caso você esteja deixando o cabelo crescer, ou tenha pavor em imaginar as madeixas mais curtas. Segundo Fabiane, o cabelo cresce cerca de um centímetro por mês. Ou seja, cortar só as pontinhas a cada três meses, por exemplo, não vai influenciar no comprimento.

Além de tudo, a ponta hidratada faz com que seu cabelo pareça maior. “As pontas muito ressecadas e duplicadas – ou triplicadas e até quadruplicadas – acabam ofuscando o crescimento do cabelo. Isso porque ele cresce na raiz, onde é mais saudável, e acaba quebrando nas pontas, por causa da falta de cuidados e ressecamento”, diz a expert.

No entanto, mesmo que você não tenha medo da tesoura e corte as pontinhas a cada três meses, apenas isso não vai garantir a saúde e beleza dos seus fios. “As pontas duplas acontecem quando o fio todo já está danificado – por isso, muitas vezes, nem um corte vai resolver o problema. Por mais que a parte visivelmente duplicada seja retirada, o resto do fio não volta a selar: você corta e tira a parte dividida, mas a nova ponta vai continuar com o problema”, explica.

Câmera aproximada em uma mão segurando um atesoura e cortando as pontas de um cabelo.
Não precisa ter medo do corte! Ele garate que seus fios cresçam mais saudáveis.

#2 Hidratação toda semana

Já que cortar o cabelo periodicamente não é suficiente na hora de acabar com as pontas duplas, é preciso manter uma rotina de cuidados que envolva o cabelo todo. A hidratação é um passo importante – pelo menos, uma vez por semana aplique uma máscara capilar.

Os fios estão muito ressecados? Faça duas vezes! Lembre-se que é nesse momento que acontece a reposição da água e nutrição aos fios. E quem tem qualquer tipo de química nos cabelos deve dar ainda mais atenção à hidratação: técnicas como escova progressiva ou descoloração retiram queratina, água e nutrientes – e que precisam ser repostos, né? Nesses casos, a aliada é a linha de Nativa SPA Terapia do Caviar com shampoo, condicionador e máscara, indicados para cabelos ultra danificados e que reparam os fios dos três últimos procedimentos químicos.

E mesmo que você não tenha química nos fios, não se esqueça que o óleo produzido na raiz dificilmente consegue chegar até as pontas, hein? Além de máscaras, a expert sugere produtos como shampoos e condicionadores que atendam às necessidades específicas do fio, para que o cuidado e a reposição de nutrientes sejam diários – você pode selecionar os itens e intercalar as lavagens, por exemplo.

Aposte em produtos que garantem alta hidratação, como a linha Match Fonte da Hidratação, que traz shampoo, condicionador e máscara capilar como óleo de coco na fórmula. A máscara capilar Match Fonte da Hidratação tem máxima concentração de óleos pra trazer vitalidade e brilho ao cabelo e deve ser aplicada antes do shampoo: além de prevenir as pontas duplas, você vai perceber hidratação desde a primeira vez de uso.

Mulher jovem sorrindo em frente ao cabelo enquanto acaricia os fios molhados
Hidratação ajuda a recuperar a saúde dos fios, principalmente de quem tem química no cabelo.

#3 Não se esqueça dos finalizadores

Depois de lavar as madeixas, aplique finalizadores sem enxágue, que hidratam e protegem, além de combater o envelhecimento da película capilar. A dica é ter sempre um leave-in junto e aplicar nas pontas no decorrer do dia, para manter o aspecto saudável e hidratado.

Dica: aposte no Creme Capilar Leave In Nutrição dos Fios Terapia dos Óleos Indianos, que aumenta a espessura dos fios e reduz a porosidade. Já o Nativa SPA Leave-in Ultra Hidratante Monoï & Argan tem uma fórmula que garante uma ultra hidratação. Os dois vêm em embalagens de 150 gramas, perfeitas para carregar na bolsa! 😉

#4 Cuidado com o calor excessivo

Prancha alisadora, babyliss e secador devem ser usados com cautela: o calor é um grande inimigo das pontas duplas, porque também retira os nutrientes dos fios, além do perigo de queimar as madeixas.

Além dos leave-ins, que também protegem contra os efeitos nocivos dos aparelhos, nunca deixe de usar um protetor térmico antes de usar esses aparelhos. 😉

Mulher em frente ao espelho secando os cabelos crespos
Sempre aplique protetor térmico antes de submeter os fios ao calor excessivo de chapinha e secador.

#5 Trate das mechas com cuidado

Fabiane explica que o cuidado na hora de pentear ou prender o fio também faz diferença na hora de combater as pontas duplas. Segundo ela, é bastante comum que apareça uma ponta dupla no local em que o fio partir. Por isso, sempre tenha paciência na hora de desembaraçar e escolha grampos com ponta de silicone e elásticos revestidos por tecido, que causam menos quebras, ok? 😉

Se perceber que seus cabelos estão quebradiços, aposte na linha Match. Tônico do Crescimento que, além de shampoo e condicionador, também tem um complexo acelerador que traz força e resistência, diminuindo a quebra dos fios, para quem cresçam fortes e resistentes.

Quais os cuidados que você toma para evitar as pontas duplas? Conta pra gente nos comentários! 🙂

COMENTÁRIOS 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Connect with
with Facebook